Entenda a importância de restringir o uso do celular pelas crianças

Fonte: Tribuna de Minas | Juliana Netto em 24/08/2019 às 16:00 h

Seja em casa ou em um lugar público, manter uma criança quieta não é uma tarefa fácil. Levante a mão quem nunca tentou entreter o filho com o smartphone. Esse vício eletrônico não afeta apenas os adultos. Adolescentes e crianças estão cada vez mais conectados e dependentes do aparelho.

Aliás, não faltam opções atrativas de conteúdos infantis em aplicativos, canais de vídeos, jogos e músicas. A distração por meio do uso da internet para acalmá-los segue aumentando.

Na maioria dos casos, transforma-se em uma salvação. Sala de espera de um consultório médico, uma viagem longa de carro, fazer uma refeição assistindo desenho. Enfim, as situações são diversas.

Entretanto, o uso inadequado do celular deixa muitos pais na corda bamba. Afinal, a internet oferece diversos perigos Por isso, quem permite o consumo exagerado é julgado o tempo todo.

Saúde

Uma boa saída é estipular horários.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Com Dia do Comerciário, lojas podem ficar fechadas nesta segunda

Fonte: Tribuna de Minas | Tribuna em 24/08/2019 às 16:00 h

O empregado do comércio de Juiz de Fora não trabalhará nesta segunda-feira (26), em comemoração ao Dia do Comerciário. A data, no entanto, não prevê que as lojas estejam fechadas. ‘Na verdade, o Dia do Comerciário é dele e não do comércio. Por isso, ele não trabalha, o que não tem a ver com o funcionamento das empresas’, explica Emerson Beloti, presidente do Sindicato do Comércio de Juiz de Fora (Sindicomércio-JF).

‘O dia foi criado para compensar a jornada dos sábados que antecedem os dias especiais. Essa data é para qualquer empresa que segue a convenção do comércio varejista e do atacado da cidade. Muita gente fala que algumas lojas funcionam, mas é porque o proprietário abre com seus familiares. O problema não é abrir, mas trabalhar o empregado’, acrescenta Beloti, apontando que a validade do acordo entre o sindicato patronal e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Juiz de Fora se estende a shoppings centers e supermercados.

Na cidade, as redes de supermercados, inclusive as que funcionam 24 horas, não irão abrir.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais