Ingresso de indígenas em faculdades é nove vezes maior do que em 2010

Carregando imagem...

Aos 35 anos, Maritana Silva dos Santos Neta vive o sonho que tem desde os 16 anos: cursar engenharia civil. Indígena do povo Tuxá de Banzaê (BA), ela sempre quis ter um curso superior no currículo e ajudar a comunidade, mas a falta de recursos sempre foi um empecilho.

‘É uma grande chance para mim, que queria desde os 16 anos, mas não consegui. Terminei o ensino médio com 18 anos, mas meu pai não podia, na época, bancar os meus estudos. A parte financeira é o grande problema. Tenho primos que começaram a estudar e tiveram que trancar a matrícula pelo custo’, diz.

Com uma bolsa de 50% na Faculdade Zacarias de Goés, em Valença (BA), a estudante conseguiu começar a estudar e resolveu se mudar para a nova cidade com o marido e a filha de 8 anos.

‘Eu tenho consciência que o mercado não está fácil agora para engenharia e construção, mas acredito que vai melhorar.
Continue lendo “Ingresso de indígenas em faculdades é nove vezes maior do que em 2010”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Petrobras apoia exposição e curso gratuitos sobre animação no MAM

Mantenedora do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM), a Petrobras escolheu a animação brasileira como tema da mostra gratuita que será inaugurada no próximo dia 24 naquele equipamento cultural. A exposição permanecerá aberta ao público até o dia 30 deste mês. Na semana seguinte, entre os dias 6 e 10 de maio, o museu realizará em suas instalações curso também gratuito sobre animação, ministrado pelo conservador-chefe da Cinemateca do museu, Hernani Heffner.

Em entrevista à Agência Brasil, Heffner salientou que a animação não tem uma grande filmografia dentro do cinema brasileiro, embora tenha crescido muito nos últimos anos. Na mostra, estarão em exibição 21 curtas e sete longas, incluindo o filme de Humberto Mauro O Dragãozinho Manso, representativo dos primórdios da animação no país.
Continue lendo “Petrobras apoia exposição e curso gratuitos sobre animação no MAM”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Governo faz novas mudanças no Ministério da Educação

O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, exonerou hoje (18) o diretor de Avaliação da Educação Básica do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Paulo Cesar Teixeira e Ricardo Machado Vieira, que era assessor especial do ministro da Educação. As demissões foram publicadas no Diário Oficial da União.

Vieira foi nomeado secretário-executivo do MEC no final de março, na gestão do então ministro Ricardo Vélez.  Quando o atual ministro, Abraham Weintraub, assumiu, anunciou que o cargo seria ocupado por Antonio Paulo Vogel de Medeiros.

Já Teixeira pediu demissão também no final do mês passado, quando o então presidente do Inep, Marcus Vinicius Rodrigues, foi exonerado. A demissão, que foi oficializada hoje, ocorreu após o anúncio de que a avaliação da alfabetização não seria realizada este ano, mas apenas em 2021.
Continue lendo “Governo faz novas mudanças no Ministério da Educação”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

No Dia do Livro Infantil, escritora dá dicas para incentivar a leitura

Carregando imagem...

Desenvolver a linguagem, a concentração, a memória e o raciocínio são alguns dos benefícios da leitura na primeira infância. Neste 18 de abril, Dia Nacional do Livro Infantil, a dica da escritora Alessandra Roscoe para incentivar o interesse da garotada pelos livros é tornar a leitura um momento de brincadeira, prazer e de fortalecimento dos laços afetivos.

A escritora diz que a literatura e a leitura para as crianças não podem ter como foco o aprender e a ideia de obrigação. Segundo ela, é preciso destacar o caráter lúdico, da descoberta, da diversão.

‘A pedagogização da literatura trouxe junto a obrigação da leitura e ela não pode ser associada à obrigação, mas ao lúdico, ao prazer e à brincadeira’, afirma.

‘Temos que transformar a leitura em um grande prazer.
Continue lendo “No Dia do Livro Infantil, escritora dá dicas para incentivar a leitura”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Provas do Enade são marcadas para 24 de novembro

As provas do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) deste ano serão aplicadas no dia 24 de novembro. Nesta edição, serão avaliados 29 cursos entre bacharelado e tecnológicos. A portaria que define a data e os cursos a serem avaliados está publicada na edição de hoje (17) do Diário Oficial da União.

As provas serão aplicadas às 13h30, no horário de Brasília.

O Enade avalia o rendimento dos estudantes concluintes dos cursos de graduação em relação aos conteúdos estudados.

O exame é obrigatório para os estudantes selecionados e é condição indispensável para a emissão do histórico escolar. As inscrições para a prova são feitas pelas instituições de ensino superior.

Serão avaliados os estudantes dos cursos de agronomia; arquitetura e urbanismo; biomedicina; educação física; enfermagem; engenharia ambiental; engenharia civil; engenharia de alimentos; engenharia de computação; engenharia de produção; engenharia de controle e automação; engenharia elétrica; engenharia florestal; engenharia mecânica; engenharia química; farmácia; fisioterapia; fonoaudiologia; medicina; medicina veterinária; nutrição; odontologia; e zootecnia.

Nas áreas de grau de tecnólogo serão avaliados os cursos de tecnologia em agronegócio; tecnologia em estética e cosmética; tecnologia em gestão ambiental; tecnologia em gestão hospitalar; tecnologia em radiologia; e tecnologia em segurança no trabalho.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Resultado do pedido de isenção da taxa do Enem será divulgado hoje

Participantes que solicitaram a isenção da taxa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) podem conferir hoje (17) se os pedidos foram ou não aceitos. O resultado estará disponível na Página do Participante.

Para consultar o resultado, será necessário informar o CPF e a senha criada na hora de fazer a solicitação. 

Os estudantes que não tiverem a solicitação aceita poderão entrar com recurso no período de 22 a 26 de abril, também na Página do Participante. O resultado do recurso será divulgado no mesmo endereço, a partir de 2 de maio.

Para participar do exame, os estudantes – com ou sem isenção da taxa – devem fazer a inscrição no período de 6 a 17 de maio.

Ao todo, 3.687.527 estudantes solicitaram a isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

O prazo para pedir a isenção da taxa do Enem terminou no último dia 10.
Continue lendo “Resultado do pedido de isenção da taxa do Enem será divulgado hoje”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Começam hoje as inscrições para o Prêmio Professores do Brasil

Carregando imagem...

As inscrições para a 12ª edição do Prêmio Professores do Brasil serão abertas nesta terça-feira (16). Todos os professores de escolas públicas, desde a creche até o ensino médio, podem participar. As inscrições podem ser feitas no site do prêmio até 31 de maio.
Neste ano, o prêmio conta com cinco temas especiais: Esporte como estratégia de aprendizagem; Uso de tecnologias de informação e comunicação (TICs) no processo de inovação educacional; Educação empreendedora; Criação e produção de linguagens de mídia por professores e estudantes no ensino fundamental e médio; e Aprendizagem Criativa.

O objetivo do prêmio é reconhecer, divulgar e premiar o trabalho de professores de escolas públicas que contribuem para a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem desenvolvidos nas salas de aula.

“O principal ator que ganha o prêmio é o estudante porque são projetos que ele precisa apresentar como resultado em termos de aprendizagem.
Continue lendo “Começam hoje as inscrições para o Prêmio Professores do Brasil”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Novo presidente do Inep será Elmer Vicenzi

O Ministério da Educação (MEC), confirmou hoje (15) Elmer Coelho Vicenzi como o novo presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Em nota, o MEC confirma a indicação e diz que o nome será ‘oficializado em breve’.

Delegado de Polícia Federal, Vicenzi foi chefe do Serviço de Repressão a Crimes Cibernéticos da Coordenação-Geral de Polícia Fazendária da Diretoria de Investigação e Combate ao Crime Organizado e diretor do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

A presidência do Inep estava vaga desde a exoneração de Marcus Vinicius Carvalho Rodrigues, no dia 26 de março.

Rodrigues foi exonerado após desentendimento com o e então ministro da Educação Ricardo Vélez Rodríguez. O ex-presidente do Inep assinou portaria que adiava a avaliação da alfabetização prevista pelo Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) para 2021.
Continue lendo “Novo presidente do Inep será Elmer Vicenzi”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Para professor belga, ensino domiciliar acolhe desejos de estudantes

O acadêmico belga Jan De Groof, um dos principais estudiosos do ensino domiciliar, argumenta que essa modalidade educacional tem valor porque “faz as perguntas corretas”. Em palestra realizada em Brasília ontem (13), a convite do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), ele disse que a sociedade deve levar em conta não só os sistemas que são oferecidos pelas escolas e pelo governo, mas também as vias alternativas escolhidas por pais que os contestam.

Entre as preocupações de De Groof evidenciadas no evento estão os discursos ideológicos que podem ser difundidos a partir do ambiente escolar tradicional. Em sua fala, o professor catedrático, que foi conselheiro da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) na área de direito à educação, sublinhou que acredita ser necessária a preservação da autonomia de pensamento, uma vez que a educação pode ser definida como “a transmissão de crenças, valores e cultura”.

Para ele, o papel do Estado no tocante à educação, é claro: “O Estado deve regulamentar [a educação] e estabelecer padrões mínimos.” A Constituição da Bélgica, destacou, considera direito básico dos cidadãos o acesso à educação, mas não torna obrigatória a assiduidade nas escolas. 

Ele esclareceu ainda que o homeschooling, como é também chamada a educação domiciliar, dá ênfase ao acolhimento dos desejos dos estudantes, abrindo a possibilidade, inclusive, de escuta daqueles que se desanimam com a ida à escola por sofrer bullying.

Na avaliação do professor, os setores da sociedade são corresponsáveis pela educação.
Continue lendo “Para professor belga, ensino domiciliar acolhe desejos de estudantes”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Mais de 3,6 milhões de estudantes pediram isenção da taxa do Enem 2019

Educação :: AgBrasil | Mariana Tokarnia – Repórter da Agência Brasil em 12/04/2019 15:35

Ao todo, 3.687.527 estudantes solicitaram a isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, de acordo com balanço divulgado hoje (12) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O resultado final, ou seja, se os pedidos foram aceitos ou não, será divulgado no dia 17 de abril, na Página do Participante. 

Também no dia 17 será divulgado o resultado das justificativas dos estudantes que não pagaram o Enem 2018 e que, por algum motivo, faltaram às provas. Para pedirem isenção novamente este ano, esses estudantes tiveram que apresentar uma justificativa da ausência. 

Para consultar o resultado, será necessário informar o CPF e senha criada na hora de fazer a solicitação. O prazo para pedir a isenção da taxa do Enem terminou na última quarta-feira (10).
Continue lendo “Mais de 3,6 milhões de estudantes pediram isenção da taxa do Enem 2019”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais