Confusão após queda do Cruzeiro tem 4 presos, 32 feridos e depredação no Mineirão

Fonte: Tribuna de Minas | Tribuna em 09/12/2019 às 09:30 h

Além do rebaixamento inédito para a Série B do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro viu a sua torcida se comportar de modo repulsivo, agressivo e violento. Tanto que o jogo foi encerrado aos 40 minutos do segundo tempo pelas confusões nas arquibancadas do Mineirão. Segundo o coronel Trant, responsável pela segurança no estádio, quatro torcedores foram presos por agressão ou desacato e 32 pessoas foram atendidas pelo posto médico ou encaminhadas ao hospital João XXIII, administrado pelo governo do Estado.

‘Algumas pessoas passaram mal pelo tumulto, pelo nervosismo. Outras tiveram ferimentos leves. Algumas com ferimentos na cabeça, devido à chuva de cadeiras ocorrida na arquibancada’, resumiu. Havia a informação, não confirmada, de três feridos graves, segundo outro militar que participou da operação.

O efetivo utilizado neste jogo teria sido maior do que ocorre em clássicos entre as duas maiores torcidas da capital mineira entre Cruzeiro e Atlético-MG.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais