Terras griladas representam 35% do desmatamento na Amazônia, diz análise

Fonte: Ciência :: Folha de São Paulo em 20/11/2019 às 22:00 h

Mais de um terço (35%) do desmatamento registrado pelo sistema de monitoramento Prodes, do Inpe (Instituto de Nacional de Pesquisas Espaciais), ocorreu em áreas públicas não designadas, revela análise do Ipam (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia) divulgada nesta quarta (20). A destruição é motivada pela grilagem de terras, historicamente regularizada pelos governos federal e estaduais.
… (11/20/2019 – 20h24)

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais