Ruy Castro: Datas fatais

Fonte: Ruy Castro em 18/10/2019 às 03:00 h

Carregando imagem...

Três ciganas em diferentes países e épocas leram a mão do crítico americano de literatura Harold Bloom. Todas cravaram que ele morreria aos 89 anos, três meses e 11 dias. Bloom contou isso à minha amiga Lucia Guimarães, em entrevista publicada no Estadão de 18/1/2013. Bloom morreu na segunda-feira última, 14 de outubro, aos 89 anos, três meses e três dias –oito dias antes da data prevista. Ou já não se fazem ciganas como antigamente ou o erro pode ter sido provocado pelo próprio Bloom, que, doente e vendo se aproximar a data fatal, teria se deixado morrer antes. Ele tinha essa mania de contrariar.
… (10/18/2019 – 02h00)

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais