Quem vai parar Jair Bolsonaro?

Fonte: El Pais | Felipe Betim em 04/08/2019 às 20:30 h

Carregando imagem...

Jair Bolsonaro (PSL) segue a cartilha de Donald Trump e aposta na escalada da violência retórica dirigida contra quem considera ser seu adversário. Mas não só isso. Nas últimas semanas de recesso do Congresso Nacional e do Supremo Tribunal Federal, o presidente da República também aproveitou para desautorizar e interferir diretamente em instituições de Estado. Entre os alvos mais recentes está a Comissão sobre Mortos e Desaparecidos (CEMDP) da ditadura militar, cujo colegiado foi substituído na última quinta-feira por bolsonaristas do PSL que defendem o regime autoritário. A mudança ocorreu na mesma semana em que o presidente atacou diretamente o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz. Seu pai, Fernando Santa Cruz, foi preso pela ditadura militar em 1974 e desapareceu.
Continue lendo “Quem vai parar Jair Bolsonaro?”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

O calvário das crianças Guarani Kaiowá contaminadas por agrotóxicos

Fonte: El Pais | Leandro Barbosa em 04/08/2019 às 20:30 h

Carregando imagem...

Eram cerca de 15 crianças Guarani Kaiowá, com idade entre 6 e 9 anos, sentadas à mesa do refeitório da escola indígena da aldeia Guyraroká. Tomavam o café da manhã, servido sempre antes do início das aulas, às 6h. Mas naquela manhã de segunda-feira, enquanto comiam a merenda, os estudantes foram surpreendidos por uma nuvem branca de pó de calcário e agrotóxico, trazida pelo vento de uma área vizinha à comunidade. Em poucos minutos, toda aldeia foi coberta. E assim permaneceu, entre os dia 6 a 11 de maio, período em que vários indígenas —em sua maioria crianças e idosos— apresentaram sintomas de intoxicação por pesticidas, como irritação da pele, enjoo, diarreia e dores de cabeça.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Os grandes malvados da história têm algo em comum: a vaidade

Fonte: El Pais | Lola Morón em 04/08/2019 às 19:00 h

Carregando imagem...

A FILÓSOFA alemã Hannah Arendt definiu o tão celebrado quanto criticado conceito de ‘banalidade do mal’ em referência ao que observou durante o julgamento de Adolf Eichmann, realizado em Jerusalém, em 1961. Coronel da SS, o trabalho diário de Eichmann consistia em garantir o transporte das massas de judeus para a morte nos campos de concentração.  

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

‘Fugir da Venezuela’

Fonte: El Pais | Felipe Jacome em 04/08/2019 às 18:00 h

Carregando imagem...

Na Venezuela, um salário mal dá para comprar alguns quilos de arroz. Algumas pessoas começaram a usar as cédulas de dinheiro para tecer pulseiras, carteiras e figuras de origami. Depois de caminhar com os migrantes por centenas de quilômetros, o fotógrafo Felipe Jacome transferiu as imagens captadas por suas lentes sobre as notas de bolívares sem valor

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

O jovem que conduziu nove horas para provocar um banho de sangue em El Paso

Fonte: El Pais | Antonia Laborde em 04/08/2019 às 18:00 h

Carregando imagem...

O jovem que semeou o pânico no Walmart de El Paso (Texas) no sábado deixou, supostamente, um manifesto racista antes de matar 20 pessoas e ferir outras 26. As autoridades ainda estão investigando a autoria, mas apontam que Patrick Wood Crusius, um jovem branco de 21 anos,   identificado como o autor da matança, postou na Internet um texto que falava de uma ‘invasão hispânica do Texas’ e afirmava: ‘Se pudermos nos livrar de pessoas suficientes, nosso modo de vida pode ser mais sustentável’.  

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Duas décadas de propostas frustradas para limitar as armas nos EUA

Fonte: El Pais | Nicolás Alonso em 04/08/2019 às 18:00 h

Carregando imagem...

Os Estados Unidos voltaram a viver o drama interminável dos ataques a tiros com dezenas de vítimas. A cada ano, 34.000 norte-americanos, em média, são mortos por armas de fogo na maior potência do mundo (incluindo os casos de suicídio); a cada dia, 93. Desta vez foi em El Paso (Texas), onde 20 pessoas morreram e 26 ficaram feridas no sábado pelo ataque de um atirador de 21 anos, que invadiu um centro comercial na cidade e atirou contra os que estavam no local no início da tarde de sábado. Menos de 24 horas depois, outras nove pessoas morreram e 26 ficaram feridas após um homem atirar contra várias pessoas em um bar no centro de Dayton, no Estado de Ohio. O atirador foi morto pela polícia.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

América Latina, a região mais fatal do mundo para os ecologistas

Fonte: El Pais | Teresa de Miguel em 04/08/2019 às 16:30 h

Carregando imagem...

Julián Carrillo sabia que seria assassinado. Como seu cunhado, Santiago. E seu genro, Julián. Também como seus sobrinhos, Guadalupe e Alberto, e seu filho Víctor, que viu ser morto a tiros. Era só uma questão de tempo. Em dezembro de 2017, um grupo armado colocou fogo em sua casa. Conseguiu sair vivo, mas um ano depois não conseguiu escapar ao seu destino: foi abatido por um grupo de homens com armas de alto calibre, como se fosse um criminoso perigoso.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais