‘Não abra a porta, não fale’: as batidas semeiam o temor entre os imigrantes nos EUA

Fonte: El Pais | Amanda Mars, Sandro Pozzi em 13/07/2019 às 22:00 h

Carregando imagem...

Os anúncios de batidas por parte da Administração de Donald Trump contra imigrantes ilegais que têm uma ordem de deportação semearam a inquietação entre os estrangeiros nos Estados Unidos. Está previsto que a operação comece no domingo em nove das principais cidades, como Nova York, Los Angeles, Baltimore, Chicago e Houston, com a finalidade de prender 2.000 ilegais. É uma ínfima parte dos mais de 10 milhões de ilegais que vivem no país norte-americano, mas o aviso prévio, insólito, serviu para promover a imagem de pulso firme do republicano. É algo que não era preciso: as imagens de imigrantes confinados nos centros de detenção da fronteira, que o vice-presidente, Mike Pence, visitou na sexta-feira, falavam aos gritos.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Extintos em dezenas de países, leões agora estão ameaçados em seu principal reino

Fonte: El Pais | Jacinto Antón em 13/07/2019 às 22:00 h

Carregando imagem...

Há poucas emoções tão intensas no mundo como a que produz contemplar um grande leão macho em seu ambiente, na extensa savana africana, onde ainda continuam reinando, apesar do imparável declínio da espécie. Restam apenas 20.000 leões, calcula-se – somente 4.000 machos -: estão desaparecendo de vastas extensões da África que antigamente eram parte de seus domínios (ainda que existam 500 na Índia, leões asiáticos) e, se nada for feito, a fera emblemática do planeta, Simba, a essência do selvagem, pode se extinguir em pouco tempo. Nessa triste conjuntura, a nova versão, 25 anos depois, de O Rei Leão da Disney, que chega às telas em 19 de julho, com os animais recriados por realidade virtual, se tinge de um tom crepuscular, ainda que também, ao relançar o interesse global pelo leões e a ameaça que sofrem, de esperança.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

MG2 – Edição de sábado, 13/07/2019

Fonte: MGTV 2ª Edição em 13/07/2019 às 21:30 h

Carregando imagem...

MG2 – Edição de sábado, 13/07/2019
Edição deste sábado mostrou circuito junino da TV Integração. Acidente na Zona Norte deixou uma vítima fatal. Encontro de carros antigos reúne mais de 700 veículos. Frejat, Blitz e Detonautas se apresentam em Juiz de Fora.
Tempo: 18:33

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Encontrados três roteiros inéditos e incompletos de Stanley Kubrick

Fonte: El Pais | Tommaso Koch, Rafa de Miguel em 13/07/2019 às 20:30 h

Carregando imagem...

Londres, a cidade que o cineasta Stanley Kubrick (Nova York, EUA, 1928 – St. Albans, Reino Unido, 1999) amava e que incorporou a vários de seus filmes, é também a depositária de novas surpresas sobre a mítica obra desse gênio. Três novos roteiros, nos quais trabalhou entre 1954 e 1956, surgiram surpreendentemente do meio de todo o material que está nos Arquivos de Kubrick, guardados na Universidade das Artes da capital britânica.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Câmara pede para a Assembleia instalar comissão do idoso

Fonte: Tribuna de Minas | Paulo Cesar Magella em 13/07/2019 às 19:30 h

A Comissão Permanente de Defesa dos Direitos do Idoso aprovou representação, de iniciativa de seu presidente, vereador Kennedy Ribeiro, sugerindo à Mesa Diretora da Assembleia a criação em caráter permanente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa que teria abrangência estadual. A proposta foi aplaudida pelo ex-deputado Isauro Calais, que implantou a comissão em Juiz de Fora, quando presidia a Câmara, e levou a experiência para Belo Horizonte. Em caráter extraordinário, a comissão da Assembleia só funcionou na legislatura passada, tendo sido extinta no início do ano. Daí a proposta de Kennedy.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Sobreviventes de Suzano se apegam ao esporte para superar a dor

Fonte: El Pais | Beatriz Jucá em 13/07/2019 às 19:00 h

Carregando imagem...

No dia seguinte ao massacre de Suzano, a estudante Rhillary Barbosa de Souza, de 15 anos, viu sua história estampar os jornais como a de uma heroína. Usando técnicas de jiu-jítsu, ela conseguiu desestabilizar um dos dois autores do ataque e abrir o portão da escola Raul Brasil, viabilizando a própria fuga e a de dezenas de colegas. Cem dias depois da tragédia que a deixou em estado constante de alerta, seu maior medo é fracassar. Rillary virou uma espécie de referência para os demais estudantes, uma voz constante em defesa da reconstrução de uma escola que há meses tenta amenizar as fraturas deixadas por um crime terrível. “Isso me obriga a ser mais forte. Eu sinto que não posso fraquejar na frente das pessoas porque, se eu parar, mais gente pode parar também”, diz.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais