Hayabusa2 tem sucesso em segundo pouso e coleta de amostras de asteroide

Fonte: Ciência :: Folha de São Paulo em 10/07/2019 às 23:30 h

A sonda japonesa Hayabusa2 colecionou mais um sucesso no fim desta quarta-feira (quinta, 11, no horário de Tóquio), ao realizar seu segundo pouso bem-sucedido no asteroide Ryugu. O objetivo era descer para colher mais uma amostra do asteroide, para trazer de volta à Terra no fim do ano que vem. O local de descida foi […] … Leia post completo no blog
… (07/10/2019 – 22h53)

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Creci vai ajudar na fiscalização do Minha Casa, minha vida

Fonte: Tribuna de Minas | Paulo Cesar Magella em 10/07/2019 às 23:30 h

O Creci, Conselho Regional de Corretores de Imóveis, vai apoiar o processo de fiscalização do programa Minha Casa, Minha Vida como sugeriu a Comissão Especial criada pela Câmara e presidida pelo vereador Sargento Mello Casal. Em reunião na manhã desta quarta-feira, a conversa fluiu. Participaram da reunião o presidente do Conselho Municipal de Habitação, Luiz Fernando Sirimarco, e o vice-presidente do Creci em Minas Gerais, Reinaldo Jorge Loureiro. Ele destacou que há um acordo nacional, firmado entre a Caixa e o Conselho Federal dos Corretores, que facilita essa fiscalização.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

‘As Torturas na Venezuela são sistemáticas’

Fonte: El Pais | Javier Lafuente em 10/07/2019 às 22:00 h

Carregando imagem...

Cristopher Figuera (Punta de Mata, Venezuela, 55 anos) ainda guarda o documento de uma página e meia que enviou ao seu ‘comandante em chefe’, Nicolás Maduro, no início do ano. Nele, pedia-lhe que suprimisse os poderes da Assembleia Nacional Constituinte chavista e que mudasse o Conselho Nacional Eleitoral. Basicamente, que propiciasse sua saída. Ou ao menos uma saída para a situação insustentável que a Venezuela vive. ‘Pareceu-lhe uma atitude derrotista e covarde da minha parte’ é o resumo da resposta feito por Figuera, ex-chefe do Serviço Bolivariano de Inteligência (Sebin) -a temida polícia política venezuelana-, um dos artífices da frustrada ofensiva militar de 30 de abril.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Merkel sofre o terceiro episódio de tremores em menos de um mês

Fonte: El Pais | Enrique Müller em 10/07/2019 às 22:00 h

Carregando imagem...

A chanceler alemã Angela Merkel voltou a sofrer em público um ataque de tremores enquanto ouvia o hino nacional alemão durante a recepção com honras militares ao primeiro-ministro finlandês Antti Rinne, na sede do Governo alemão. As imagens captadas pelas câmeras de televisão mostraram a chanceler sofrendo convulsões durante mais de um minuto.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Relatório da Assembleia sugere empenho pela Lei Kandir

Fonte: Tribuna de Minas | Paulo Cesar Magella em 10/07/2019 às 21:30 h

Já está nas mãos do governador Romeu Zema o relatório elaborado pela Assembleia Legislativa, após quase um mês de audiências com membros do primeiro escalão do Governo do Estado. No relatório-síntese do Assembleia Fiscaliza, apresentado pelo deputado Hely Tarqüínio (PV), decano da ALMG, uma das principais recomendações da Assembleia ao Governo do Estado é que a adesão ao Regime de Recuperação Fiscal proposto pelo Governo federal não seja vista como a única alternativa para Minas Gerais sair da crise financeira. Os deputados defendem que haja uma ação efetiva do Estado para pleitear a recuperação dos recursos pertencentes a Minas Gerais e aos municípios mineiros decorrentes da Lei Kandir, como alternativa para a recomposição da receita e superação da crise fiscal, de modo que o Estado retome sua capacidade de investimento.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Agência Brasil é finalista no Prêmio Abmes de Jornalismo

Fonte: Educação :: AgBrasil | Agência Brasil em 10/07/2019 às 21:00 h

A Agência Brasil é finalista na 3ª edição do Prêmio Abmes de Jornalismo, com a reportagem Ingresso de indígenas em faculdades é nove vezes maior do que em 2010, da repórter Mariana Tokarnia. A reportagem concorre na categoria Internet Nacional.
O texto mostra que, apesar das dificuldades que eles ainda enfrentam para entrar e se manter no ensino superior, o número de estudantes indígenas nessa etapa passou de 2.723, em 2010, para 25.670, em 2017. “Fiquei muito feliz com a indicação. Não apenas pela relevância do prêmio, mas pela importância do assunto tratado na reportagem”, disse a repórter.
A reportagem conta a história de Maritana Silva dos Santos Neta que, aos 35 anos, vive um sonho que tinha desde os 16 anos: cursar engenharia civil. Indígena do povo Tuxá de Banzaê, da Bahia, foi com uma bolsa de 50% na Faculdade Zacarias de Goés, no municipio baiano de Valença, que ela conseguiu estudar.
Continue lendo “Agência Brasil é finalista no Prêmio Abmes de Jornalismo”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

MG2 – Edição de quarta-feira, 10/07/2019

Fonte: MGTV 2ª Edição em 10/07/2019 às 21:00 h

Carregando imagem...

MG2 – Edição de quarta-feira, 10/07/2019
Esta edição traz informações sobre um acidente envolvendo um caminhão, que tombou na Zona Norte de Juiz de Fora. O Governo de Minas lançou um programa para facilitar o acesso do cidadão aos serviços estaduais. Veja também as principais noticias desta quarta (10) em Minas Gerais no ‘Giro Minas’.
Tempo: 19:08

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Câmara aprova texto-base da reforma da Previdência com 379 votos a favor

Fonte: Tribuna de Minas | Tribuna em 10/07/2019 às 20:30 h

Depois de oito horas de debates, o plenário da Câmara dos Deputados aprovou, em primeiro turno, o texto principal da reforma da Previdência. A proposta teve 379 votos a favor e 131 votos contra.

Agora, os parlamentares começam a votar os destaques apresentados pelas bancadas. Mais cedo, os deputados tinham concordado em derrubar as emendas individuais e manter apenas as de bancada.

Os destaques mais aguardados são o que aumenta a aposentadoria para as trabalhadoras da iniciativa privada e o que suaviza as regras de aposentadorias para policiais e agentes de segurança que servem à União.

A reforma da Previdência precisava de 308 votos, o equivalente a três quintos dos deputados, para ser aprovada. Se aprovado em segundo turno, o texto segue para análise do Senado, onde também deve ser apreciado em dois turnos e depende da aprovação de, pelo menos, 49 senadores.

O debate do texto principal foi aberto por volta das 17h, quando a Câmara rejeitou o último requerimento de retirada de pauta da reforma da Previdência.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais