Produtores rurais temem prejuízos com fim da Conab

Fonte: Tribuna de Minas | Marcos Araújo em 07/06/2019 às 20:30 h

Produtores rurais temem prejuízos depois do fim da assistência da Companhia Nacional de Abastecimentos (Conab) em Juiz de Fora. A unidade local da empresa pública vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) encerrou as atividades, no último dia 21 (maio). A informação teria sido comunicada pela Superintendência Regional Mineira aos funcionários. O local somava 15 postos de trabalho, sendo sete diretos e oito indiretos. Dentre as ações realizadas na cidade estava o Programa Vendas em Balcão, responsável por garantir o acesso dos criadores e das agroindústrias de pequeno porte aos estoques públicos.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), sediada em Brasília, informou à Tribuna, por meio de nota, que está passando por um processo de modernização, fruto de um estudo iniciado em 2018, que compreende, entre outras estratégias, a desimobilização de unidades administrativas e armazenadoras da companhia.

Para os produtores, o fim da assistência contribui para o enfraquecimento do papel social da Conab, que perde a relevância ao deixar de cooperar para a regularização do abastecimento e garantia de renda ao produtor rural na região, omitindo-se de formular e executar as políticas públicas para o setor.

Gilson Expedito da Silva, de 64 anos, e produtor rural há 28, mantém uma produção de leite e uma criação de porcos e galinha, em uma propriedade, no Bairro Barreira do Triunfo, na Zona Norte.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais