‘É muito inconveniente fazer festa aqui agora. Ainda estamos vivendo um trauma’

Carregando imagem...

Andreza Rodrigues enterrou seu filho único no dia 7 de maio, depois de quase quatro meses de espera. Bruno Rocha Rodrigues, engenheiro, trabalhava na Vale e foi uma das 232 vítimas mortais do rompimento da barragem do Córrego do Feijão, em Brumadinho, no dia 25 de janeiro. Ele tinha sido efetivado em 2018 na mineradora após trabalhar dois anos como estagiário. “Sou mãe de um único filho assassinado pela Vale”, lamenta Andreza em sua casa em Maricampos, cidade que fica a 15 minutos de Brumadinho. Ali, ela se preserva do intenso movimento que tomou conta da cidade nos últimos dias, quando turistas de diversas partes do país começaram a chegar para o festival de arte e música MECAInhotim, que acontece de sexta (17) a este domingo no museu a céu aberto.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Festival de Brumadinho marca linha tênue entre a cura e o reforço da dor do luto na cidade

Carregando imagem...

Às 12h28 do dia 25 de janeiro, o tempo parou em Brumadinho. O rompimento da barragem do Córrego do Feijão, da mineradora Vale, cobriu a região de lama e soterrou sob ela cerca de 232 vidas. Desde então, menos de quatro meses depois da tragédia, a região arrasta o luto de 40.000 pessoas (população local), afetadas direta ou indiretamente por ela. Neste final de semana, no entanto, para parte da cidade, o tempo voltou ao seu curso normal: depois de meses sem receber visitantes — o turismo, junto com a mineração, é a principal fonte de renda local —, os hotéis e pousadas estavam lotados, as ruas cheias de gente e as lojas abertas até mais tarde. É o efeito MECAInhotim, um festival de arte e música celebrado entre sexta-feira (17) e este domingo no maior museu a céu aberto do mundo, com apresentações de Gilberto Gil, Pitty, Céu, Duda Beat e outros artistas, e com ingressos até 600 reais.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Moçambique se recupera a duras penas de seu segundo ciclone

Carregando imagem...

Pouco depois do Idai, o Kenneth chegou a 220 quilômetros por hora e castigou o nordeste do país africano deixando um rastro de 45 mortos, mais de 100 feridos, 250.000 vítimas e muita devastação. A água que inundou tudo ainda não se dissipou em muitas áreas. E falta ajuda

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

União Europeia explora caminho eleitoral enquanto Guaidó e Maduro divergem sobre o diálogo

Carregando imagem...

A palavra diálogo voltou a pairar sobre a grave crise institucional da Venezuela e ao mesmo tempo deixou a descoberto um paradoxo: as partes envolvidas, a oposição ao regime de Nicolás Maduro e o Governo, estão dispostas a escutar todos os esforços internacionais para procurar uma saída ao bloqueio ainda que discordem radicalmente sobre as premissas de uma negociação, provavelmente a essência da questão. A missão do chamado grupo de contato da União Europeia viajou nessa semana a Caracas, se reuniu com todos os atores desse processo e concluiu que existe uma disposição para continuar com essa tentativa. O objetivo da delegação de Bruxelas, que se mantém fiel ao princípio de uma ‘solução pacífica e democrática’, era de abordar ‘uma possível via a um caminho eleitoral negociado’, afirmou no sábado em um comunicado o Serviço Europeu de Ação Exterior.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Modi disputa a reeleição na Índia entre sinais de descontentamento e polarização

Carregando imagem...

Narendra Modi, primeiro-ministro indiano em exercício, apareceu na sexta-feira pela primeira vez após cinco anos de mandato em uma entrevista coletiva. Dizer apareceu não é uma licença poética: Modi esteve lá, sim, mas deixou que o presidente de seu partido, o Bharatiya Janata (BJP, na sigla em inglês; direita nacionalista) respondesse todas as perguntas. Com 110 milhões de militantes — o maior do mundo — e nada menos do que 1,1 milhão de funcionários divulgando o evangelho modiano nas eleições que terminam no domingo, não é de se estranhar que o dirigente indiano tenha considerado desnecessário se expor ao escrutínio público. Porque no exterior, de Davos à Casa Branca, tem uma reputação dourada, mas em casa essa imagem de firmeza e sucesso se desintegra em milhares de facetas que refletem da adoração cega ao temor a uma crescente autocracia.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Em recuo, Ministério do Meio Ambiente confirma reunião da ONU em Salvador

Seis dias após anunciar seu cancelamento, o Ministério do Meio Ambiente voltou atrás e confirmou a realização, em Salvador, da Climate Week (Semana Climática) América Latina e Caribe, evento da Convenção da ONU sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC).
… (05/19/2019 – 15h32)

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

A nova corrida dos EUA para ir à Lua com a força de empresários bilionários

Carregando imagem...

Ártemis. Irmã de Apolo, deusa da Lua. Ninguém poderá acusar a NASA de falta de imaginação no momento de alimentar a paixão dos fãs do espaço. Não tem muito mais a oferecer desde que abandonou seu programa Shuttle em 2011 e aceitou a humilhação de enviar seus astronautas à Estação Espacial Internacional (EEI) com custosas passagens para o Soyuz pagas ao outrora arqui-inimigo galáctico russo.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Ao menos 12 feridos em um atentado no Egito contra um ônibus de turistas

Carregando imagem...

Ao menos 12 pessoas ficaram feridas neste domingo em um atentado contra um ônibus de turismo no Egito. A explosão  foi registrada nas imediações de um museu em construção próximo às pirâmides de Giza, disseram duas fontes de segurança. As fontes informaram também de que a maioria dos feridos eram turistas estrangeiros, e que entre eles havia sul-africanos.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais