Zoológico de Barcelona adere ao animalismo após 127 anos de história

Carregando imagem...

As elefantas, leões, camelos, girafas e ursos do zoológico de Barcelona em breve serão história, depois que a Câmara Municipal da capital catalã aprovou nesta sexta-feira uma regra de proteção de animais para transformar essa instalação no primeiro parque zoológico ‘animalista’ da Europa. Uma mudança que motivou protestos dos trabalhadores da instituição, que consideram que a equipe de Governo da prefeita Ada Colau, com apoio de parte da oposição, pôs a primeira pedra do que em poucos anos representará a desativação do zoo, inaugurado em 1892.

Clique aqui para ver esta matéria na íntegra.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais