Museu de História Natural de NY não sediará evento que homenageia Bolsonaro

O Museu Americano de História Natural de Nova York anunciou na tarde desta segunda-feira (15) que não irá mais sediar o evento organizado pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos que homenageia o presidente Jair Bolsonaro ‘Com respeito mútuo pelo trabalho e pelos objetivos de nossas organizações individuais, concordamos que o museu não é o local ideal para o jantar de gala da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos. Este evento tradicional irá acontecer em outro local, na data e hora originais’, anunciou o museu pela conta no Twitter.

No domingo (14) o museu já tinha dedicado publicações em português para ressaltar que Bolsonaro não foi convidado pelo museu para receber o prêmio, mas sim convidado como ‘parte de um evento externo’. A Câmara de Comércio escolheu Bolsonaro como ‘personalidade do ano’, em prêmio que é tradicionalmente entregue durante um jantar de gala realizado dentro do museu.

Desde a semana passada, o museu tem sido alvo de críticas pela homenagem ao brasileiro, principalmente por posições sobre políticas para o meio ambiente.

Continue lendo na Tribuna de Minas