Programa Fora de Casa oferece suporte a estudantes de outras cidades

:: Diário Regional em 17/03/2019 06:45 ::

Deixar a casa dos pais, se aventurar em outra cidade – às vezes em outro estado – para cursar a faculdade é sempre um desafio. E é justamente para expandir, reunir e discutir as questões dos estudantes que deixaram suas cidades especialmente para ingressar na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) que existe o Programa Fora de Casa. A iniciativa, desenvolvida pela Pró-reitoria de Assistência Estudantil (Proae), engloba o projeto Roda Viva, o grupo Fora de Casa e o Seminário de Integração, que teve sua primeira edição realizada em maio de 2017.

Roda-Viva

O projeto Roda-Viva é um programa de acolhimento e interação entre os estudantes de graduação da UFJF que têm como objetivo oferecer um espaço que possibilite desenvolver melhores condições de adaptação do estudante ao universo acadêmico, a partir da criação de novas redes de apoio.

Através da iniciativa, o estudante recém-chegado na Instituição é recebido e acolhido por outro aluno/acolhedor.

Uma vez acolhido, no próximo semestre, este mesmo estudante poderá se tornar acolhedor dos que estão ingressando, ou seja, tornar-se ativo no processo de acolher e incluir o recém-chegado no âmbito acadêmico e da cidade.

Para ser acolhedor, o estudante deverá acessar a página da Proae e preencher o formulário on-line. Após a inscrição, o aluno deverá aguardar um e-mail de confirmação de sua inserção no Programa. Os nomes e os e-mails dos acolhedores ficarão disponíveis na página da Pró-reitoria na Internet.

Para ser acolhido, basta que o estudante entre em contato com o acolhedor diretamente, através de e-mail. Outras informações podem ser obtidas na página do Roda-Viva.

Grupo Fora de Casa

O grupo Fora de Casa é um espaço voltado aos estudantes que vêm de outras cidades e/ou estados para estudar na UFJF. “Por entendermos que o estudante “fora de casa” pode estar mais vulnerável a diversos aspectos naturais a esta mudança de vida, criamos este grupo para acolher e promover uma integração do discente nesta transição”, explica a psicóloga da Proae, Camila Rocha.

Os temas e as interações desenvolvidas no grupo auxiliam como suporte aos estudantes à nova vida, contando com temáticas pertinentes à vida emocional, à administração financeira, aos aspectos pedagógicos e ao papel social do estudante do ensino público superior. “Vamos vivenciar este processo juntos, com mais leveza, trocas e atividades descontraídas.”

Serão promovidos sete encontros, desenvolvidos das 9h às 11h, entre os dias 27 de março e 15 de maio, na sala 1107 da Faculdade de Letras. A inscrição pode ser realizada até 26 de março, pelo formulário presente na página da Proae. A Pró-reitoria irá emitir certificados de participação de 14 horas para os estudantes que comparecerem a 75% dos encontros.

Fonte: Assessoria

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais