Documentário da BBC mostra Brasil em transe

:: Kennedy Alencar em em 11/01/2019 22:39 ::

A BBC World News exibe a partir desta noite um documentário que mostra um Brasil em transe. Chamado “What Happened to Brazil… (“O Que Aconteceu Com o Brasil…”), o documentário tem três episódios: “The Dream Dies (“O Fim do Sonho”), “Carwash and ‘the coup’”(A Lava Jato e “o golpe”) e “Divided Nation” (“Nação Dividida”).

No Brasil, o primeiro capítulo pode ser visto à meia-noite e meia desta noite, virada de sexta para sábado, nos seguintes canais pagos que transmitem a BBC World News: 202 da NET, 172 da Sky e 410 (satélite) e 62 (cabo) da Vivo TV.
Continue lendo “Documentário da BBC mostra Brasil em transe”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Periferias são as principais vítimas dos ataques de facções no Ceará

:: El Pais em 11/01/2019 22:24 ::

A onda de violência em Fortaleza e mais de 40 outras cidades do Ceará completa uma semana com 3 mortes, 277 prisões, transferência de 21 integrantes do Comando Vermelho (CV), uma das facções que atuam no território, para presídios federais e prejuízos para a população, especialmente das periferias, que precisou ressignificar o cotidiano nos últimos dias. Para além do sentimento de insegurança que insiste em tomar espaços, a limitação de serviços básicos, como transporte público, coleta de lixo e atendimentos por parte de empresas responsáveis pela distribuição de água, por exemplo, impossibilitam que a população tenha seus direitos assegurados.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Lacuna no Mais Médicos ameaça verba para saúde de municípios

:: El Pais em 11/01/2019 22:24 ::

Há 53 dias, o Governo Federal trabalha para substituir as 8.517 vagas deixadas por médicos cubanos após Cuba decidir encerrar a cooperação do Mais Médicos com o Brasil por não aceitar as novas condições exigidas por Jair Bolsonaro. Delas, a menos 1.462 vagas seguem ociosas, segundo balanço preliminar do Ministério da Saúde. O número representa 17% das vagas totais, mas não retrata o déficit real de médicos nos municípios brasileiros, já que muitos profissionais que já atuavam na atenção básica pediram demissão e migraram para o programa, deixando as vagas pagas pelas prefeituras.
Continue lendo “Lacuna no Mais Médicos ameaça verba para saúde de municípios”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Municípios mineiros buscam repasses do Estado

:: Tribuna de Minas Política em em 11/01/2019 20:59 ::

Presidente da Associação Mineira dos Municípios (AMM), Julvan Lacerda (MDB), prefeito de Moema, reuniu-se, nesta sexta-feira (11), com membros do Governo de Romeu Zema (Novo) em busca de acordo para repasse de valores de tributos atrasados pelo Estado de Minas Gerais. Representaram o Executivo o vice-governador, Paulo Brant (Novo), e o secretário de Governo, Custódio Mattos (PSDB). Em repasses atrasados referentes a impostos constitucionais, o Estado deve às prefeituras cerca de R$ 12,5 bilhões, cuja maior parte diz respeito à gestão de Fernando Pimentel (PT); além disso, nesta semana, conforme Julvan, o governador deixou de passar R$ 26 milhões aos municípios referentes ao ICMS.

Julvan tratou, na reunião, apenas dos repasses constitucionais em atraso; valores referentes ao ICMS e ao IPVA.
Continue lendo “Municípios mineiros buscam repasses do Estado”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

‘Máquinas mortais’ estreia no Brasil após fracassar nos Estados Unidos

:: TM Cultura em 11/01/2019 20:59 ::

m%C3%A1quinas-mortais-1-e1547222096899.jpgReerguida sobre gigantescas rodas, Londres é a maior das cidades predadoras de ‘Máquinas mortais’

Futuros pós-apocalípticos em cenários áridos, envolvendo disputa de escassos recursos entre grupos tribais, com toda uma nova série de crenças, costumes e ação alucinada, com máquinas delirantes, podem até ser clichês cinematográficos, mas funcionam muito bem quando os envolvidos sabem o que estão fazendo.
Continue lendo “‘Máquinas mortais’ estreia no Brasil após fracassar nos Estados Unidos”

Compartilhe esta postagem nas redes sociais

Quando Isaac Asimov brincou de prever 2019 e acertou

:: El Pais em 11/01/2019 20:59 ::

No fim de dezembro de 1983, quando faltavam poucos dias para começar o ano que George Orwell escolheu como título de sua asfixiante distopia, o jornal canadense Toronto Star propôs a Isaac Asimov, já um escritor de sucesso de ficção científica, prever o futuro. Escolheu 2019 não por acaso. Era um salto à frente de 35 anos. Um salto parecido ao que era preciso dar para trás para chegar a 1949, o ano de publicação de 1984.

Seguir leyendo.

Clique aqui para ver esta matéria na fonte original.

Compartilhe esta postagem nas redes sociais